Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.

  • O Alentejo 2020 já apoiou  1 647 estudantes apoiados nos  Cursos Técnicos Superiores Profissionais?
  • 102 empresas já foram apoiadas em inovação  produtiva para a criação de novos produtos,  processos e sistemas de combate à COVID-19?
  • Já beneficiaram dos fundos europeus 569  empresas, com o apoio do Alentejo 2020?
  • 203 habitações em áreas urbanas já foram  reabilitadas com o apoio do Alentejo 2020?
  • O Alentejo 2020 já  apoiou 159 209 m2  de criação ou reabilitação urbana?
  • O Alentejo 2020  já apoiou 11 708  participantes em ações de trabalho  socialmente necessário?
  • 18 134 equipamentos informáticos foram  atribuídos a escolas e cedidos a alunos  carenciados, com o apoio do Alentejo 2020?
  • O Alentejo 2020 já beneficiou 13 303  crianças, através do apoio a infraestruturas de  acolhimento de crianças ou de educação?
  • O Alentejo 2020 já apoiou 125 equipamentos sociais e de saúde?
  • O Alentejo 2020 já apoiou 4665 candidaturas?

Alentejo 2020 com 3 agendas já em implementação

O Alentejo 2020 é o Programa Operacional Regional do Alentejo para o período 2014-2020 o qual tem uma dotação global de 1.082,9 Milhões de euros afetos à região, dos quais 898,2 Milhões de euros FEDER e 184,7 Milhões de euros FSE. O Programa é constituído por quatro Agendas e 10 Eixos Estratégicos, articulados entre si.

No âmbito da agenda da Competitividade e Internacionalização já foram abertos até  ao momento 17 avisos de concurso no âmbito do sistema de incentivos às empresas com uma dotação afeta de 79Milhões de euros de FEDER e 4 avisos de Apoio a Ações Coletivas nas áreas da Transferência do Conhecimento Científico e Tecnológico, Internacionalização, Promoção do Espírito Empresarial e Qualificação, num total de 11 Milhões de euros de FEDER. 

Na agenda da Sustentabilidade e Eficiência no Uso dos Recursos está em fase de avaliação dos resultados o Programa de Valorização Económica dos Recursos Endógenos (PROVERE) para perspetivar um novo ciclo da  iniciativa, potenciando a identificação de Estratégias de Eficiência Coletiva já existentes que possam reunir condições para evoluir para uma nova fase de implementação, em conformidade com os novos modelos de intervenção no território e os objetivos do Portugal 2020. Nesta agenda e no âmbito da Reabilitação e Qualidade do Ambiente Urbano está também aberto o concurso para apresentação dos Planos Estratégicos de Desenvolvimento Urbano, para Centros Urbanos de Nível Superior, com uma dotação global FEDER afeta de cerca 127 Milhões de euros. 

Já no âmbito da agenda Inclusão Social e Emprego, encontra-se aberto o Convite destinado às parcerias pré-qualificadas na 1.ª fase, com o objetivo de aprovação de Estratégias de Desenvolvimento Local (EDL) e reconhecimento dos Grupos de Ação Local (GAL) e constitui a segunda fase do processo de implementação do instrumento Desenvolvimento Local de Base Comunitária. Este instrumento consubstancia-se numa abordagem integrada e de proximidade, na lógica do antigo LEADER, tendo em vista a  inclusão social e o emprego, e conta com uma dotação financeira de 37 Milhões de Euros de FEDER e FSE.

Ainda na lógica da intervenção integrada para o desenvolvimento territorial, estão em fase de pré-contratualização pela Autoridade de Gestão do Alentejo 2020, as Estratégias integradas de desenvolvimento territorial, definidas ao nível de NUT III, ou agrupamento de NUT III contíguas e dinamizadas pelas comunidades intermunicipais (CIM), em articulação com os restantes atores relevantes, em particular com os seus municípios, com uma dotação financeira total de 126 Milhões de euros de FEDER e FSE.

 

 

Portal2020    Balcão Fundos



IFRRU2020